Administração condominial, terceirização de serviços, segurança e vigilância. Sua vida, nossa segurança.

Regras de boa conduta nos condomínios residenciais

Todo condomínio residencial possui um regimento interno que indica a conduta que os moradores devem ter para o bem-estar coletivo. É de extrema importância que os condôminos sigam as normas pois, fora do limite privado do lar, hall, corredores, lounge, ruas, calçadas, quadras esportivas e parques são de uso comum e é preciso respeitar o espaço do outro e preservar todos os equipamentos do residencial.

Para isso, o Grupo GSBru fornece aos síndicos uma cartilha dessas normas, que seguem um mesmo padrão em todos os condomínios, salvo adaptações necessárias de acordo com alguma especificidade do residencial. Seguem algumas das normas:

– Mudança: toda mudança deve ser comunicada previamente junto à administradora que regulamenta os horários permitidos para o transporte de móveis pelos elevadores, escadas e o estacionamento dos caminhões nos locais determinados;

– Funcionários: todos os funcionários que trabalham nos condomínios devem ser tratados com cordialidade. Não é permitido ao morador solicitar aos funcionários a execução de serviços particulares, já que os profissionais estão ali para atender ao bem-estar coletivo;

– Obras: toda e qualquer obra ou reforma deve ser executada em horários estabelecidos pelo condomínio. Também deve-se comunicar o síndico sobre a obra e não é permitido fazer qualquer alteração estrutural sem o aval de um engenheiro responsável, para não abalar a estrutura do prédio. Outro ponto relevante refere-se às alterações de fachadas, como fechamento de sacadas, mudança de cor, alteração de portas e janelas – tais mudanças precisam de aprovação em assembleia de 2/3 de todos os moradores.

– Crianças: os pais são responsáveis por seus filhos e devem estabelecer limites às crianças, não permitindo que elas gritem ou corram em áreas que não são destinadas à brincadeira ou que representem risco à criança. Elas nunca devem estar desacompanhadas dos seus pais nas áreas comuns dos condomínios;

– Barulho: qualquer barulho que incomode o vizinho não deve ultrapassar o limite das 22h. Tenha bom senso e respeite o morador ao lado;

– Lixo: cuide para que o espaço coletivo esteja sempre limpo, utilizando as lixeiras disponíveis no condomínio e respeitando os dias e horários de coleta do lixo doméstico, evitando o seu acúmulo nas áreas comuns.

– Garagem: respeite os limites de sua vaga, não estacione no espaço do seu vizinho, não corra com o carro, use farol baixo e não buzine. Também é recomendado sempre dar a preferência a quem está chegando no condomínio.

Afonso Jordan – administração condominial

Rolar para cima